Como resfriar seu PC ou notebook

Seja você um gamer ou um usuário convencional, os componentes do computador correm o risco de superaquecimento se as temperaturas não forem mantidas sob controle. Apresentamos aqui algumas maneiras econômicas de resfriar seu computador. 

Por que PCs e notebooks superaquecem?

Ao tocar em seu computador e ele estiver quente demais, você pode notar gráficos atrasados ou tempos de carregamento mais lentos do que o normal. Você também pode ouvir a ventoinha trabalhando demais. Estes são sinais clássicos de superaquecimento.
Pode ser que haja superaquecimento por vários motivos, mas entender por que seu computador ou notebook está ficando quente é o primeiro passo para corrigir o problema.
O superaquecimento ocorre sempre que o sistema de resfriamento interno não consegue ventilar efetivamente o ar quente causado pelos componentes de hardware que processam suas solicitações.
Ventiladores, ventoinhas e dissipadores de calor são projetados para ajudar os computadores a regular esse aquecimento para que ele não danifique os mecanismos internos delicados do sistema.
Veja algumas causas comuns de superaquecimento de computador ou notebook:

  • Um ambiente quente – luz solar direta e ambientes quentes podem adicionar estresse térmico extra que pode sobrecarregar um sistema de resfriamento interno.
  • Ventilações de ar bloqueadas – as ventilações de ar obstruídas evitam a dissipação de ar quente, causando acúmulo de calor e aumento das temperaturas internas.
  • Falha da ventoinha – pode resultar em regulação inadequada do calor, levando a níveis perigosos de superaquecimento
  • Aplicativos exigentes – como o Adobe Premiere Pro e uma sobrecarga na CPU ou GPU, podem causar o aquecimento desses componentes.
  • Software desatualizado – software desatualizado e ineficiente pode ter um impacto significativo de energia, especialmente para tarefas de alta intensidade, como jogos.
  • Programas que não respondem – eles consomem energia e memória excessivas enquanto o computador tenta resolver erros.
  • Várias guias abertas do navegador – isso consome recursos de CPU e memória, que aquecem à medida que são forçados a trabalhar mais.

Agora que conhecemos algumas das causas comuns de superaquecimento, aqui estão algumas maneiras de manter seu computador ou notebook resfriado.

1. Posicione seu computador no lugar correto

Apenas mudar o local onde você mais usa o computador pode ajudar a mantê-lo resfriado. 
Verifique se o computador ou notebook não está perto de uma ventilação de calor ou próximo de uma janela que o exponha à luz solar direta. 
Você também deve remover todos os obstáculos que restrinjam o fluxo de ar, deixando de 5 cm a 7 cm de espaço (2 a 3 pol) em todos os lados dos ventiladores do computador. 
Notebooks têm melhor desempenho em uma superfície plana e dura, pois isso permite que o ar flua por baixo e ao redor, dissipando naturalmente o calor.

2. Feche o gabinete do sistema

Embora pareça contraintuitivo, um gabinete aberto não ajuda a regular as temperaturas internas, mas sim a limitá-las.
Assim como fechar os vidros do carro ao ligar o ar-condicionado, fechar o gabinete permite que o sistema permaneça frio e mantenha a confiabilidade dos componentes.
Um gabinete fechado também reduz a quantidade de poeira e detritos nas ventoinhas de resfriamento, o que, com o tempo, pode fazer com que suas ventoinhas desacelerem ou parem de funcionar.

3. Preserve as ventoinhas

 a. Limpe as ventoinhas do computador

Poeira e sujeira podem causar estragos na primeira linha de defesa de temperatura: as ventoinhas. 
Você quer que elas fiquem limpas e sem detritos ao usar ar comprimido para remover qualquer acúmulo de poeira e sujeira.
Desligue o computador e abra o gabinete, limpe as ventoinhas e seus respiros. Normalmente há uma na parte superior da CPU, uma dentro da fonte de alimentação e, às vezes, uma ou mais na frente ou atrás do gabinete. 
E evite usar aspiradores para limpar, a estática que eles produzem frequentemente causa mais danos do que calor!

b. Atualize a ventoinha da CPU

A CPU é um dos componentes mais sensíveis (e caros) dentro do seu computador, então esta é a primeira ventoinha que você precisa ver. 
A maioria das CPUs vem com ventoinhas básicas pré-instaladas, que são projetadas para resfriar o processador o suficiente para mantê-lo em funcionamento e nada mais. 
Atualizar para uma ventoinha melhor ajudará a manter as temperaturas da CPU baixas. Porém, tenha em mente, que a ventoinha da CPU só pode resfriar para a temperatura mais baixa dentro do gabinete, independentemente de ter sido bem projetada ou não.

c. Adicione uma ventoinha de gabinete

Ventiladores de gabinete aumentam o fluxo de ar para seus componentes. Para computadores de alta performance, você deve instalar dois: um para mover o ar frio para o PC e outro para transportar o ar quente de volta para fora. 
Ao adicionar as ventoinhas de gabinete, verifique se os níveis de entrada e exaustão correspondem. Se você instalar uma ventoinha de 80 mm na frente do gabinete e uma ventoinha de 120 mm na parte traseira, o diferencial criará uma pressão de ar negativa, ocasionando um aumento potencial de aquecimento. 
Ventoinhas de resfriamento externas também estão disponíveis para notebooks, ou se você simplesmente colocar o notebook sobre uma almofada fria, isso pode ajudar a manter as temperaturas sob controle.

d. Verifique a ventoinha da fonte de alimentação

Se você não tiver uma ventoinha de gabinete, a ventoinha integrada da sua fonte de alimentação é a única coisa que empurra o ar quente para fora do seu sistema. 
Se ela não estiver funcionando corretamente, o sistema aquecerá rapidamente, portanto, verifique a ventoinha regularmente e substitua-a imediatamente caso não esteja funcionando.

4. Atualize para um kit de resfriamento a água

Às vezes, até mesmo as ventoinhas mais rápidas não conseguem acompanhar as CPUs de ponta, plataformas de jogos e outros sistemas de alta demanda.
Os kits de resfriamento por água usam uma bomba para mandar água fria para a CPU em tubos autônomos, incluindo opções de notebook para gamers portáteis.
Esses kits são seguros e relativamente econômicos se você se sente confortável em executar uma instalação técnica.

5. Otimize as configurações do computador ou notebook

Se o superaquecimento for um problema ao concluir as tarefas diárias, tente alterar as configurações de desempenho do computador, por exemplo, diminuindo o brilho e a resolução da tela.
Isso afetará o desempenho, então você precisará testá-lo para encontrar o equilíbrio certo que funcione para você.

6. Mantenha o software atualizado

Outra maneira econômica de gerenciar problemas de superaquecimento é garantir que o software e sistema operacional estejam atualizados com as versões mais recentes. 
As atualizações corrigem bugs e resolvem ineficiências que reduzem a carga de trabalho colocada em seu hardware e ajudam a acelerar seu computador.

7. Desligue o computador

De tempos em tempos, seu computador precisará de um intervalo. A maneira mais fácil e confiável de resfriar o computador é desligá-lo até que esteja completamente frio. 
Quando você inicializar novamente, ocorrerá uma partida a frio, e tudo deve funcionar sem problemas.
Porém, se o problema de superaquecimento voltar, então é hora de aplicar algumas das etapas acima ou procurar atualizar para um computador que possa atender às suas demandas!

Perguntas frequentes sobre superaquecimento de computador e notebook

  • Qual deve ser a temperatura da minha CPU?

    A temperatura normal de uma CPU está entre 40 ºC a 65 °C (104 °F a 149 °F) ao realizar uma carga de trabalho normal. Ao executar aplicativos ou jogos intensivos, a CPU pode aumentar para 70 °C a 80 °C (158 °F a 176 °F).

  • Ate que ponto uma CPU pode aquecer?

    Embora a CPU possa aquecer até temperaturas acima de 80 °C (176 °F), essa deve ser considerada o limite. Se a CPU permanecer acima dessa temperatura por várias horas, provavelmente ela será danificada, resultando em uma vida útil reduzida.

  • Por que meu computador ou notebook está tão quente?

    Um dos motivos mais comuns para o superaquecimento de um computador ou notebook é a ventilação deficiente devido ao acúmulo de poeira ou a respiros obstruídos. Outros motivos incluem a idade do computador e os componentes, o sistema sobrecarregado com várias solicitações, executando aplicativos exigentes e estar sob luz solar direta.