Desculpe. Sua pesquisa não encontrou nenhum número de peça Crucial ativo ou ID de configuração.

O que deixa um notebook lento?

Notebooks podem ficar lentos por vários motivos. Antes de adquirir um novo sistema, tente aplicar as dicas abaixo para acelerar seu notebook.

Se quiser saber mais sobre como acelerar seu Apple® MacBook®, clique aqui.

Por que é preciso reiniciar o notebook

Deixar o notebook ligado é conveniente, mas usa muitos recursos da memória. Reiniciar o computador ou desligá-lo regularmente fecha programas que você esqueceu abertos em segundo plano. Além disso, a reinicialização limpa o cache de memória e aplica atualizações e correções que precisam da reinicialização para funcionarem.

Notebook visto pela lateral

Reiniciar o computador também dá ao sistema operacional e aos programas instalados a chance de aplicar atualizações críticas. Reinicie o computador sempre da forma correta, acessando o menu Iniciar e selecionando Reiniciar ou Desligar. Só pressione o botão de energia para desligar o computador nos casos em que não houver outra solução.

Muitos aplicativos e guias abertos

Mesmo sem interação, as guias de navegador e os aplicativos abertos consomem muitos recursos valiosos da RAM. Sem memória suficiente disponível, seu notebook fica lento à medida que transfere as informações da unidade de armazenamento para a RAM, em vez de mantê-las na memória.

Para ajudar a liberar parte da RAM, feche as guias de navegador quando terminar de usá-las. Reconfigure os programas que carregam automaticamente junto com a inicialização do sistema se eles não forem necessários de imediato.

Se o seu sistema for o Microsoft® Windows®, você poderá ver os aplicativos que estão consumindo memória agora mesmo:

1.     Pressione as teclas “Ctrl”, “Alt” e “Delete” simultaneamente.

2.     Selecione Iniciar gerenciador de tarefas

3.     Abra a guia Processos

Com isso, você poderá ver quais programas estão usando mais recursos da memória e poderá decidir se quer deixá-los rodando em segundo plano ou não.

RAM insuficiente

Em quase todos os casos, adicionar mais memória (RAM) deixa seu computador mais rápido. Se quiser saber quanto seu computador Windows tem de memória, faça o seguinte:

1.     Clique em Iniciar, selecione Computador, clique com o botão direito do mouse no seu disco de armazenamento e selecione Propriedades

2.     Em Sistema, veja quanto de memória instalada (RAM) seu computador tem

Memória de notebook Crucial

A adição de memória é ideal para aumentar a responsividade, deixar aplicativos mais rápidos e executar tarefas simultaneamente com facilidade. Como praticamente toda operação do computador precisa de memória, é essencial ter a quantidade certa. Aumentar a quantidade de memória é uma das formas mais eficazes de melhorar o desempenho do computador. Use este guia para saber quanto de memória é suficiente para você.

Saiba quando é a hora de trocar a memória do computador.

Sistema operacional desatualizado

Atualizar o sistema operacional ativamente não só coloca os recursos mais recentes ao seu alcance, mas também costuma promover uma melhoria no desempenho. Esse processo pode aumentar a velocidade do seu notebook, mas essa melhoria pode usar mais recursos do sistema também.

Se seu notebook tiver uma unidade de disco rígido

Alguns notebooks ainda são vendidos com disco rígido (HDD) instalado, mesmo com os benefícios adicionais de se ter um SSD. Se seu notebook tiver um disco rígido, estas são algumas das coisas que podem prejudicar o desempenho.

Disco rígido

Espaço insuficiente no disco rígido

Uma forma de acelerar seu notebook é liberar espaço no disco removendo programas e arquivos que não são mais usados. Se você removeu aplicativos e programas mas o disco ainda tiver menos de 20% de sua capacidade total disponível, talvez seja a hora de trocar a unidade de disco rígido por outra com mais memória ou por uma unidade de estado sólido.

O disco rígido está corrompido ou fragmentado

Um disco rígido corrompido ou fragmentado pode deixar o notebook lento. Os discos rígidos podem ser corrompidos por diversos motivos, incluindo desligamentos forçados (pressionando o botão de energia enquanto o sistema está em execução). Siga os passos abaixo para saber se seu disco rígido está corrompido:

1.     Clique em Iniciar ou no botão do Windows, selecione Computador, clique com o botão direito do mouse no seu disco rígido e selecione Propriedades

2.     Selecione a guia Ferramentas e, em Verificação de erros, clique em Verificar agora…

3.     Uma caixa de diálogo com o título “Verificar disco” aparecerá. Selecione as duas opções e clique em Iniciar

4.     Na janela exibida, clique em Agendar verificação de disco. Feche todos os programas abertos e reinicie o computador. A verificação leva algum tempo.

Se, após o término da verificação, uma mensagem de erro for exibida, siga as instruções apresentadas para corrigir o erro e considere a atualização do seu disco.

Se o disco rígido não estiver corrompido, ele poderá estar fragmentado. Siga estas instruções para desfragmentar o disco rígido:

1.     Clique em Iniciar ou no botão do Windows, selecione Computador, clique com o botão direito do mouse no seu disco rígido e selecione Propriedades

2.     Selecione a guia Ferramentas e, em Desfragmentação, clique em Desfragmentar agora…

Você terá a opção de programar desfragmentações do disco rígido. Se o seu disco não for desfragmentado regularmente, essa operação poderá demorar um pouco, mas, quando acabar, seu computador encontrará os arquivos com mais rapidez. O ideal é agendar desfragmentações recorrentes para que elas aconteçam regularmente.

Usar uma unidade de disco rígido em vez de uma unidade de estado sólido

Discos rígidos usam pratos giratórios e cabeçotes magnéticos para ler os dados armazenados. Quanto mais dados você adiciona ao disco, mais o mecanismo do disco tem que trabalhar para encontrar a informação exata que você quer, o que torna a busca de dados mais lenta. As diversas e pequenas peças móveis de um disco rígido podem falhar ou ter diminuição de desempenho.

Por outro lado, as unidades de estado sólido (SSDs), usam memória flash para armazenar dados, eliminando as peças móveis e reduzindo o tempo de acesso aos dados. Normalmente, os SSDs conseguem executar as tarefas corriqueiras seis vezes mais rápido que os HDDs.1 As unidades de estado sólido ainda contam com maior eficiência energética e durabilidade que os discos rígidos. Veja qual é o tamanho de SSD ideal para você.

Acelere!

Se você acha que seu computador está muito lento, passe a reiniciá-lo com mais frequência, feche aplicativos e guias de navegador não usados e cheque seu disco rígido para saber se ele está corrompido, fragmentado ou se realmente precisa ser atualizado ou substituído. Adicionar mais RAM e atualizar seu sistema operacional também são medidas a serem consideradas. Teste algumas dessas soluções para acelerar seu computador! 


1 Em sistemas específicos.


©2018 Micron Technology, Inc. Todos os direitos reservados. As informações, os produtos e/ou as especificações estão sujeitos a alterações sem aviso prévio. A Crucial e a Micron Technology, Inc. não se responsabilizam por omissões ou erros tipográficos ou fotográficos. Micron, o logotipo da Micron, Crucial e o logotipo da Crucial são marcas comerciais ou registradas da Micron Technology, Inc. Microsoft e Windows também são marcas comerciais ou registradas da Microsoft Corporation nos Estados Unidos e/ou em outros países. Todas as demais marcas comerciais e marcas de serviço pertencem a seus respectivos proprietários.