Desculpe. Sua pesquisa não encontrou nenhum número de peça Crucial ativo ou ID de configuração.

Memória de servidor: Tipos e desempenho

A memória voltada para uso em servidores tem diferentes tipos com diferentes perfis de desempenho.

Memória de servidor é um termo um pouco impreciso. Apesar de o hardware de servidor ser designado para usos um pouco diferentes do que o hardware de computador, desde que a placa-mãe seja compatível, qualquer memória pode ser usada em um computador. Use a ferramenta Crucial® Advisor™ ou o System Scanner para encontrar uma memória compatível com sua placa-mãe.

Componentes de servidor e de estação de trabalho são programados para não desligar em circunstâncias normais e manter um maior grau de integridade de dados que os componentes usados em PCs. Por esses motivos, os componentes de servidor geralmente são mais caros que os de PC. Mas se você está montando seu próprio computador ou quer modernizar um servidor e precisa de componentes mais robustos com um maior nível de integridade de dados, pode ser uma boa ideia dar uma olhada nos componentes voltados para servidor. Saiba quanta memória um servidor precisa ter.

Memórias com e sem ECC

As memórias de servidor e de estação de trabalho podem ter ECC ou não e serem registradas ou não. ECC significa código de correção de erro. A memória com ECC tem software que corrige erros que podem acabar surgindo em memórias voláteis.  A memória ECC é usada em setores muito importantes que não toleram alterações de dados. A maioria das memórias de PC não tem ECC: erros acontecem cerca de uma vez para cada 1 gigabyte de memória por mês de funcionamento ininterrupto. Como a maioria dos PCs não trabalha continuamente como os servidores, as chances de ocorrer um erro não são tão grandes. Saiba mais sobre a memória com ECC.

Um módulo de memória RAM Crucial sem ECC e um módulo de memória RAM Crucial com ECC

Memória registrada e não registrada

As memórias podem ser registradas ou ter memória intermediária. As memórias registradas têm um registro entre os módulos DRAM e o controlador de memória. O registro armazena os dados solicitados por um ciclo de clock antes de enviá-los. Isso faz com que haja menos carga elétrica no controlador de memória e permite que o sistema permaneça estável com mais módulos de memória do que seria possível em condições normais. Isso gera uma desaceleração nas taxas de dados. É possível elevar o desempenho do servidor escolhendo uma memória que intercale os dados em três canais. Existem também os módulos de memória com memória intermediária, que carrega linhas de dados em buffer, além das linhas de controle.

O oposto de memória registrada é a sem memória intermediária, que não conta com buffer entre o sistema e a DRAM. Memória intermediária é um termo antigo que foi substituído pelo termo “registrada”. É possível comprar memória ECC não registrada, mas seu uso é limitado a servidores muito pequenos que precisam de uma apólice de seguro contra a possibilidade de ataques de mudança de bits (bit flip).

Essa tabela mostra a combinação de opções de memória com ECC, sem ECC, registrada e não registrada disponíveis para servidor. 

Sem ECC

Com ECC

Não registrada

Memória de computador

Apólice de seguro para servidores muito pequenos.

Registrada

Não fabricada

Memória de servidor


©2018 Micron Technology, Inc. Todos os direitos reservados. As informações, os produtos e/ou as especificações estão sujeitos a alterações sem aviso prévio. A Crucial e a Micron Technology, Inc. não se responsabilizam por omissões ou erros tipográficos ou fotográficos. Micron, o logotipo da Micron, Crucial e o logotipo da Crucial são marcas comerciais ou registradas da Micron Technology, Inc. Todas as demais marcas comerciais e marcas de serviço pertencem a seus respectivos proprietários.