Filter by:

Parte 2: Instalar

15% concluído

Parte 2: Instalar

Ao inserir a unidade de estado sólido no compartimento da unidade de armazenamento, talvez ela não fique firme. Caso isso ocorra, veja o que você pode fazer dependendo do sistema em que está instalando a unidade.

Para notebooks:

Verifique bem sua unidade de armazenamento antiga que você removeu para ver se há suportes, adaptadores, armações, presilhas ou parafusos conectados a ela. Caso haja algo conectado à unidade antiga, remova e coloque na unidade de estado sólido da mesma maneira. Agora, reinsira a unidade de estado sólido no compartimento de armazenamento. 

 

Para notebooks (espaçador):

Se ainda assim não ficar firme, use o espaçador reservado antes e prenda-o à unidade de estado sólido removendo o adesivo e colando-o na unidade, conforme ilustrado. O encaixe do espaçador permite que a unidade de estado sólido tenha o mesmo nível de espessura que a unidade existente que você removeu. Observação: muitas instalações não exigem espaçador, por isso talvez você não precise usá-lo.

Para desktops:

Alguns compartimentos de armazenamento e discos rígidos são muito maiores do que uma unidade de estado sólido de tamanho padrão. Se esse for o caso de seu sistema, você precisará de um conversor de 6,35 a 8,89 cm para encaixar bem a unidade de estado sólido.

Se consegue usar uma chave de fenda, conseguirá instalar uma unidade de estado sólido. Embora a parte interna do computador pareça assustadora e estranha, não há nada com o que se preocupar. Contanto que tenha se aterrado, você já eliminou grande parte dos riscos ao tocar sem querer nos componentes. A eletricidade está naturalmente presente no corpo humano, mas quando você se aterra, não há riscos ao tocar nas peças do sistema. Não precisa ter medo: você não corre risco durante o processo, e a eletricidade em seu corpo é natural e não pode machucá-lo.